Mais atrações de Artes Integradas confirmadas!

Reciclowns

12053335_10207857374651765_752250576_n

O momento atual é de renovação! Reciclagem de ideias, costumes e hábitos que ao longo de todo o século passado nos foram impostos e que agora estão organicamente sendo transformados em uma nova forma de se relacionar. O objetivo do grupo é intercambiar e explorar os mais diversos conhecimentos práticos que contribuam para uma relação mais harmônica com a natureza e todos os seres, e que estejam ao alcance de nosso dia a dia. Desde a redução do consumo, com uma menor produção de lixo pessoal, até a questão do tratamento do lixo e a reciclagem. A linguagem do clown é o veículo para essa constante troca, que como resultado se espera que os aprendizados se transformem em atitudes, e que a alegria alimente a vontade de fazer o bem para si, para todos e para o planeta. Juntos somos muitos, unidos somos Um!

###########

Anônimos – Galegos & Frangalhos

galegos-e-frangalhos-2-canoas

Performance “Anônimos”, realizada em movimento, busca uma dialética entre os jogos de poder e o contexto urbano. A arquitetura contemporânea é explorada por opressores e oprimidos que intervém no cotidiano dos pedestres, ciclistas, vendedores, mendigos e de qualquer transeunte que perceba os seres anônimos que utilizam-se da geografia da rua para poetizar sobre fatos ocorridos há 50 anos e que, hoje, ainda ocorrem. A proposta do trabalho é discutir a culpabilidade dos acontecimentos, uma vez que aqueles que observam a opressão podem intervir ou não, expondo o lado egoísta, ou altruísta, do ser humano em ajudar aqueles que estão em situações adversas. O ano de 2014 no Brasil foi definitivamente marcado por importantes acontecimentos, afinal além de ter sido um ano eleitoral e o país sediar uma copa domundo, em abril, completou-se cinquenta anos de golpe militar imposto pela ditadura. A partir de toda a agitação social ocorrida no país ano passado e neste ano, o Coletivo de Teatro Galegos & Frangalhos sentiu a necessidade de trazer para a cena de rua discussões até então ausentes ou enfraquecidamente discutidas e refletidas pela sociedade civil. A configuração cênica de “Anônimos” parte de fragmentos de textos de Eduardo Galeano e poemas de Bertold Breht, utiliza-se apenas de um elemento cênico e explora as mais performáticas imagens corporais, despertando entendimentos que transcendem a verdade de um único ser humano, pois no anonimato, não existem duas verdades iguais. A performance teve sua estreia na 7a Mostra de Teatro de Rua de Canoas no ano de 2015, além de uma apresentação no IV Encontro Por Uma Educação Libertária em Rolante, contemplando um público direto de mais de cinco mil pessoas.

##########

Sujeito Oculto – Corpos & Sombras

12047816_494147877413320_1685394827_n

“Sujeito Oculto”, consiste numa faísca cênica, que nasce a partir do trabalho de pesquisa da atriz Claudia Severo do grupo Corpos & Sombras : “A corporeidade do atuador na poesia do espaço”. Não parte de esquemas preestabelecidos das danças tradicionais, mas da exploração do movimento, da expressão individual e da improvisação. O trabalho está associado e diretamente vinculado com a relação física, artística e criativa do corpo, como expressão dos movimentos mais primitivos e viscerais do ser. Suscita diferentes signos, revelando assim, uma sequência de movimentos num universo árido labiríntico que como diz Antonin Artaud: “se tornaram verdadeiros hieróglifos animados”. O golpear deste sujeito pelo espaço preso ao cordão umbilical cênico que se faz e desfaz e transforma no elo e nos “acessos inflamatórios de imagens”, como um sacerdote de um ritual mágico, atinge a pesquisa na dimensão poética do corpo, sem perda de seus valores mais imediatos de comunicação. A trilha é executada por Filipe Farinha e tem a participação especial da dançarina Ângela Miler . O “Sujeito Oculto” percorre os espaços, as ruas e praças da cidade em uma interação direta com o publico e na busca reflexiva sobre o Amor.

##########

Loading Facebook Comments ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *